Boletim

Inflação prejudica ganhos da poupança.

Quem investiu na poupança perdeu dinheiro este ano

Enquanto a caderneta de poupança rendeu 2,99% entre janeiro e maio, a inflação oficial medida pelo IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) acumulou 5,34%.

A poupança rende 0,5% ao mês mais a taxa referencial (TR) – que é usada como referência no rendimento de vários investimentos – desde março de 2012. Nos últimos doze meses, a poupança rendeu 7,19%, enquanto a inflação foi de 8,47%, uma perda real de 1,28% para o poupador.

A saída é diversificar os investimentos. Para quem espera inflação mais alta nos próximos meses, investir em fundos pós-fixados é o melhor caminho.

A poupança ainda pode ser atrativa no curto prazo, especialmente, para quem deseja formar uma reserva de emergência, por sua alta liquidez (possibilidade de resgatar o dinheiro a qualquer momento).

A poupança é um investimento interessante para quem quer adquirir a cultura de investir (quem é iniciante) ou para quem tem expectativa de utilizar o valor investido num prazo curto de tempo – até 6 meses.

Para quem já possui valores superiores a R$ 20 mil e tem objetivos a longoprazo, vale pesquisar outras alternativas de investimento, que certamente proporcionarão maior rendimento neste momento.

Fonte: www.g1.globo.com acesso em 10/04/2015

Voltar